Home Institutos
Institutos

A seção Institutos apresenta atalhos para páginas de institutos e outras sociedades de direito público ou privado que desenvolvem atividades na área de Letras. Caso tenha conhecimento de algum instituto que não esteja arrolado abaixo, escreva, por favor, para Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

Exibir # 
1 Instituto Camões
O IC tem por missão propor e executar a política de ensino e divulgação da língua e cultura portuguesas no estrangeiro, assegurar a presença de leitores de português nas universidades estrangeiras e gerir a rede do ensino de português no estrangeiro a nível básico e secundário, em coordenação com outros departamentos governamentais, em especial os Ministérios da Educação, da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e da Cultura.
2 Instituto UNDL Brasil
O Instituto UNDL Brasil, fundado em 2002, é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), sem fins lucrativos, que tem por missão disseminar a tecnologia UNL no Brasil e promover o desenvolvimento dos recursos e aplicações linguístico-computacionais correspondentes para o português brasileiro.
3 ILTEC - Instituto de Linguística Teórica e Computacional
O Instituto de Linguística Teórica e Computacional (ILTEC) é uma associação sem fins lucrativos que realiza projetos de difusão da Língua Portuguesa, utilizando-se da Linguística Computacional.
4 IPOL - Instituto de Desenvolvimento e Investigação em Política Linguística
O Instituto de Investigação e Desenvolvimento em Política Linguística é uma sociedade civil de direito privado, sem fins lucrativos, de caráter cultural e educacional, fundada em 1999, com sede em Florianópolis, Santa Catarina, Brasil e constituída por profissionais de diversas áreas do conhecimento, para realizar projetos de interesse político-linguístico.

5 PROEL - Promotora Española de Linguística
Promotora Española de Lingüística (Proel) es una organización registrada en el Ministerio del Interior, que colabora con varias entidades, especialmente con la organización internacional SIL (SUMMER INSTITUTE OF LINGUISTICS, en castellano ILV--INSTITUTO LINGÜÍSTICO DE VERANO), para impulsar el desarrollo lingüístico de las lenguas minoritarias, tanto en España como en el mundo.

PROEL también divulga en España las oportunidades de servicio internacional que ofrece el SIL.

OBJETIVOS DE PROEL

Como reza en sus estatutos, los fines y actividades de Proel se articulan en torno a cuatro áreas principales de trabajo:

LA INVESTIGACIÓN SOCIOLINGÜÍSTICA

"el estudio y registro de todos los lenguajes de la tierra, con especial enfoque en aquellos que aún no disponen de gramática"

EL DESARROLLO LINGÜÍSTICO

"el fomento de la investigación lingüística y el análisis de lenguajes, impulsar la publicación de investigaciones lingüísticas"

LA TRADUCCIÓN Y EL DESARROLLO DE MATERIALES DE LECTURA

"promover la traducción de la Biblia y otras obras literarias de gran valor moral a los distintos lenguajes de la tierra"

LA EDUCACIÓN Y EL DESARROLLO COMUNITARIO

"proveer materiales de alfabetización así como el entrenamiento de maestros para aquellas minorías étnicas que lo necesiten, colaborando en el desarrollo de los citados pueblos"
6 SIL Brasil
A SIL Brasil (Associação Internacional de Linguística) faz parte da SIL International, uma organização internacional, científica e educacional, sem fins lucrativos, que tem como objetivos primordiais: analisar línguas indígenas; sugerir ortografias lingüistica e culturalmente viáveis; estimular a produção de literatura indígena; traduzir material de alto valor cultural para essas línguas; e cooperar com o governo no fornecimento de educação bilíngüe-intercultural para os grupos indígenas cujas línguas são estudadas.
7 ONG Leia Brasil - Organização Não Governamental de Promoção da Leitura
8 Instituto Difusor da Língua Portuguesa/ RESENHAS.COM
O INSTITUTO DIFUSOR DA LÍNGUA PORTUGUESA tem por finalidade apoiar e desenvolver ações para a proteção, a defesa, a elevação, a manutenção e o uso da Língua Portuguesa que, nos termos dos Artigos 13, “caput”, e 216, “caput”, inciso I, §§ 1° e 4°, da Constituição Federal, é o idioma oficial da República Federativa do Brasil.

Para a consecução de suas finalidades, o IDDLP poderá sugerir, promover, coordenar ou executar ações e projetos assim como colaborar com eles, visando a:

I. a criação de outras associações, em outras regiões do País e do Exterior, através da mobilização de entidades governamentais e organizações não-governamentais nacionais e internacionais;

II. o fomento de ações que contribuam para manter viva a memória cultural popular relacionada com os usos, os costumes e as tradições da diversidade cultural brasileira, para a promoção da arte e da cultura, para a defesa e para a conservação do patrimônio histórico e artístico;

III. incentivar e apoiar a criação artística e a difusão de lições gramaticais que privilegiem a língua portuguesa, no rádio, na internet, na televisão e em todos os demais meios sonoros de comunicação de massa;

IV.estimular e apoiar todas as iniciativas de produção áudio-visual (filmes, vídeos etc.) de caráter cultural, de entretenimento, assim como de documentários e de comerciais que empreguem a língua portuguesa;

V. promover, motivar e incentivar os empreendimentos teatrais e as artes cênicas em geral de autores em língua portuguesa;

VI. a promoção do voluntariado, a criação de estágios e a colocação de treinandos no mercado de trabalho;

VII. a promoção da ética, da paz, da cidadania, dos direitos humanos, da democracia e de outros valores universais;

VIII. a execução de programas de qualificação profissional do trabalhador, na forma de RESENHAS diárias, gratuitas, via correio eletrônico.

As atividades acima previstas realizam-se através da implementação de projetos, de programas, de planos de ações correlatas, por meio da doação de recursos físicos, humanos e financeiros, ou, ainda, pela prestação de serviços intermediários de apoio a outras organizações sem fins lucrativos e a órgãos do setor público, que atuem em áreas afins.

O IDDLP não se envolverá em questões religiosas, político-partidárias ou em quaisquer outras que não se coadunem com seus objetivos institucionais.
9 IPL - Instituto Pró-Livro
O Instituto Pró-Livro – IPL é uma associação de caráter privado e sem fins lucrativos mantida com recursos constituídos, principalmente, por contribuições de entidades do mercado editorial, com o objetivo principal de fomento à leitura e à difusão do livro.


Foi criado em outubro de 2006, como resultado de estudos e conversação entre representantes do governo e entidades do livro, e constitui uma resposta institucional à preocupação de especialistas de diferentes segmentos – publicos e privados – das áreas da educação, cultura e de produção e distribuição do livro, pelos níveis de letramento e habitos de leitura da população em geral e, em particular, dos jovens, significativamente inferiores à média dos países industrializados e em desenvolvimento.

Concretiza-se num conjunto de estratégias destinadas a promover a competencia leitora, os hábitos de leitura e o acesso aos livros, especialmente voltado à inclusão cultural de 70 % da população brasileira que não tem acesso ao livro e aos bens culturais.
10 NUPILL - Núcleo de Pesquisas em Informática, Literatura e Linguística
Boas vindas ao NUPILL!

O Núcleo de Pesquisas em Informática, Literatura e Lingüística– NUPILL está vinculado ao Curso de Pós-Graduação em Literatura e ao Departamento de Línguas e Literaturas Vernáculas, do Centro de Comunicação e Expressão da Universidade Federal de Santa Catarina.

O NUPILL tem como proposta central o desenvolvimento de pesquisas sobre os textos literários em meio digital, abrangendo uma gama que vai da criação à leitura utilizando dispositivos e processos da informática, passando por estratégias e ferramentas de ensino e aprendizagem de literatura.

A vocação do NUPILL é, em suma, explorar os recursos que a informática e as tecnologias de informação e comunicação trazem para a pesquisa universitária, tanto em Literatura quanto em Lingüística.

11 CEREJA - Centro de Referência em Educação de Jovens e Adultos - Alfabetização Solidária
Criada em 1997, a Alfabetização Solidária já atendeu cerca de 4 milhões de brasileiros em 2.010 municípios, situados em mais de vinte estados do país. A missão da entidade é reduzir as taxas de analfabetismo de cidadãos a partir dos 15 anos, além de desencadear a oferta pública de Educação de Jovens e Adultos (EJA). Esses alvos têm sido regularmente atingidos, com reflexos positivos que se estendem a toda a comunidade atendida.

Recentemente, com a intenção de estreitar a interlocução e a interação entre educadores, pesquisadores, empresas, instituições de ensino superior, demais organizações e profissionais interessados na pesquisa da área de EJA, a Alfabetização Solidária criou o Centro de Referência em Educação de Jovens e Adultos - Cereja.

Entre seus objetivos está também a promoção da socialização de experiências relevantes sobre o tema, bem como a ampliação de conteúdos e o incentivo à disseminação de uma cultura de reflexão e difusão dos saberes que se desenvolvem em torno da educação de jovens e adultos.

Como centro de referência, o Cereja busca ainda resgatar, sistematizar, preservar e valorizar essas informações. Para tanto, o centro está estruturando um portal eletrônico, com o objetivo de oferecer a profissionais interessados em EJA, tanto no Brasil quanto em outros países, um acervo sobre o setor.

Com isso, em breve, a literatura disponível sobre EJA poderá ser acessada com maior agilidade e eficiência.
12 IILP - Instituto Internacional da Língua Portuguesa
O IILP tem como objectivos fundamentais "a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais".
13 IEL - Instituto Estadual do Livro
Órgão vinculado à Secretaria de Estado da Cultura, o Instituto Estadual do Livro tem como função principal realizar atividades associadas ao livro, tais como: edições de textos originais de autores estreantes ou obras clássicas, promoção de encontros de escritores com a comunidade, organização de seminários, viabilização de uma política do livro e da leitura, cooperando com entidades públicas e casas editoriais locais.
14 FNLIJ - Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil
15 Instituto da Educação e do Livro
Destina-se à divulgação das feiras do livro existentes no Brasil.
16 DGLB - Direção Geral das Bibliotecas e dos Livros
17 IELT - Instituto de Estudos em Literatura Tradicional
Reconhecendo na literatura tradicional/ oral/ popular uma disciplina central nas ciências sociais e humanas, parte intrínseca do património imaterial e universal da humanidade, por excelência veículo de afirmação da identidade e de aproximação entre os povos (Unesco, 1989), o Instituto de Estudos de Literatura Tradicional (IELT) propõe-se:

pensar o lugar ocupado pela literatura tradicional e cultura(s) popular(es) face às sociedades, culturas e literaturas contemporâneas e sua redefinição, por um lado, teoricamente, dentro do perfil de investigação académica, por outro atentando à sua integração na prática actual e quotidiana;
analisar fenómenos de intertextualidade com elementos da tradição verificados em obras de autoria individual: redescoberta e regresso à tradição, enraizamento ou alicerce;
avaliar a acção conservadora no processo de criação do novo, pensando o texto moderno ou contemporâneo enquanto palimpsesto pela sua relação com textos que o precedem, com textos apagados sobre os quais se sustenta (reescritos, parodiados ou citados);
recolher materiais de diversos géneros literários (cancioneiros, romanceiros, contos, anedotas, lendas, adivinhas e outros textos) oriundos de distintas culturas e sociedades; investigá-los com os contributos de áreas tais como Etnologia, Antropologia, Sociologia, História, Biologia, Ciências Ambientais, Matemática, no sentido de prosseguir estudos inter/ multi e transdisciplinares, visando uma compreensão abrangente dos universos literário, cultural e social;
continuar e futuramente alargar ainda mais o âmbito da inter/ multi- e transdisciplinaridade, prosseguindo com a criação de sessões polivalentes (com valência múltipla) onde é conciliada a palestra académica fundamentada com a feição artística, lúdica, oral/tradicional/popular;
desenvolver projectos de investigação a nível do espaço lusófono e transnacional, não apenas no contexto europeu mas multicultural;
publicar edições em língua portuguesa e línguas europeias ou em edições bilingues;
incentivar a divulgação internacional de recolhas e produções artísticas (documentários cinematográficos, exposições, espectáculos, edição de CDs, DVDs) relacionadas com a cultura oral/ tradicional/ popular incentivando o reconhecimento do valor e da actualidade (por vezes, secreta, invisível) destas manifestações ancestrais na sociedade e na arte contemporâneas;
motivar para o ensino desta vasta e prenhe área de estudos a nível dos ensinos básico, secundário e universitário, enfatizando a promoção local e internacional dos conhecimentos;
entusiasmar para a reflexão sobre a leccionação desta disciplina a nível escolar e universitário, bem como prosseguir na dinamização de acções de valorização da(s) cultura(s) popular(es), eventualmente subversiva(s), nomeadamente quando, perante produtos da cultura de massa, imposta e homogeneizante, a(s) passa a usar como partitura ou fermento de novas criações;
dinamizar, partindo sempre de uma perspectiva crítica, acções de apresentação e valorização de patrimónios de culturas populares/ popularizadas/ popularizantes e/ou marginais/ marginalizadas, em comunidades rurais e/ou urbanas, quer conservando, quer inovando;
continuar, assim, por várias vias, a encorajar o respeito pela especificidade da literatura tradicional, vendo nela um vasto campo de acção, não apenas a nível da recolha e museificação mas sobretudo do tratamento de dados;
investir em acções de formação da comunidade ao longo da vida e implementar doutoramentos e pós-doutoramentos em universidades portuguesas e estrangeiras com vista a conhecer rigorosamente o património imaterial preservado e a produzir sobre ele diversos objectos científicos e culturais.
18 Casa Lygia Bojunga
A FUNDAÇÃO CULTURAL CASA LYGIA BOJUNGA começou suas atividades em junho de 2006. Sua sede é no bairro de Santa Teresa, no Rio de Janeiro, junto à casa onde Lygia mora há muitos anos – casa que se desdobrou: primeiro, surgiu a editora que Lygia criou para seus personagens, depois, a Fundação Cultural, destinada a desenvolver e apoiar projetos ligados ao Livro.

A Fundação não vive de doações nem de patrocínios: é fruto exclusivo do prêmio ALMA, com o qual a Suécia reconheceu a obra literária de Lygia, e dos eventuais lucros da editora Casa Lygia Bojunga.

19 Instituto Ecofuturo
O Instituto Ecofuturo é uma organização não governamental criada em 1999 e qualificada como Organização de Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP). Sua mantenedora é a Suzano Papel e Celulose.

Temos como missão gerar e difundir conhecimento e práticas que contribuam para a construção coletiva de uma cultura de sustentabilidade junto a indivíduos e grupos sociais.

Atuamos em parceria com empresas, poder público, ONGs, institutos de pesquisa e universidades nas áreas de educação e meio-ambiente.

Entendendo o acesso ao conhecimento como ação transformadora, implementa projetos pontuais baseados em modelos replicáveis. Assim, o Instituto Ecofuturo contribui de forma concreta para a emancipação dos indivíduos e das comunidades, a solução de problemas ambientais, a redução das desigualdades sociais e da probreza.

Acreditamos que a Educação e a Cultura são instrumentos indispensáveis para que as pessoas sejam capazes de compreender, criticar e melhorar a vida. É por meio da Educação que o Homem obtém acesso à palavra e, a partir dela, acessa todos os conhecimentos necessários para atuar de maneira consciente, autônoma e sintonizada com a promoção do desenvolvimento sustentável.

Conheça em detalhes os projetos do Instituto Ecofuturo:

Projetos do Programa Ler é Preciso:

- Bibliotecas Comunitárias

- Concurso de Redação

- Rede Cultural
_________________________

Conheça o Parque das Neblinas

Programa de Investimento Reciclável

RECONHECIMENTOS E PREMIAÇÕES:

Projeto Social de Destaque (Categoria Cultura), do Guia Exame de Boa Cidadania Corporativa - 2002
Prêmio ECO (Categoria Estratégia de Atuação Social), da AMCHAM - Câmara Americana de Comércio - 2003
Prêmio LIF edição V (Categoria Educação), da Câmara de Comércio França-Brasil - 2006
20 CECL - Centro de Estudos de Comunicação e Linguagens
Criado por um grupo de docentes do então Departamento de Comunicação Social da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, no ano de 1983, cinco anos depois da criação da primeira Licenciatura em Comunicação Social em Portugal, o Centro de Estudos de Comunicação e Linguagens - CECL - é um centro de investigação que se dedica especificamente às problemáticas da comunicação e das linguagens numa perspectiva multidisciplinar.

O CECL tem vindo a desenvolver, ao longo da sua actividade, uma investigação aprofundada na área das Ciências da Comunicação e da Linguagem, investigação essa que tem encontrado uma forma de divulgação natural e publicamente reconhecida na sua Revista de Comunicação e Linguagens, bem como no conjunto de publicações dos seus membros.

São objectivos fundamentais do CECL:

contribuir para o desenvolvimento da investigação científica, através da formação dos seus membros, da realização de projectos de investigação colectivos ou individuais, em colaboração com outras entidades ou instituições nacionais ou estrangeiras;
promover a publicação de trabalhos científicos, de carácter colectivo ou individual, teses de mestrado e doutoramento e investigação pós-doutoramento;
apoiar e desenvolver as actividades científicas levadas a cabo pelo Departamento de Ciências da Comunicação;
integrar jovens investigadores;
incrementar as relações científicas a nível nacional e internacional, particularmente através de projectos interligados com outros investigadores ou instituições nacionais e estrangeiras.
«InícioAnterior12PróximoFim»
Página 1 de 2
 
Banner

Ajude-nos

Banner

Junte-se a nós

Banner